Mourinho

Pessoal, A inspiração andou brigada comigo. Ou, pelo menos, nada me entusiasmou muito nos últimos dias em termos de futebol e sociedade. Hoje, oba! me deparei com uma frase maravilhosa, atribuída pelo Luiz Zanin do Estadão ao técnico Mourinho, que vale a pena: “Quem entende só de futebol não entende nada de futebol.” Enfim, voltei……

Centenário

Pessoal, O Futebol na Cabeça defende o futebol brasileiro dentro de campo como um modelo de alto desempenho. As comemoreações do centenário do Corínthians, suas repercuções e aproveitamento político pelo Presidente Lula, indicam que talvez o futebol brasileiro possa ir um pouco mais longe como paradigma. Dêem uma olhada na cobertura da mídia e me…

Espanha

Pessoal, Acabo de assistir na Globo News uma edição do programa Sem Fronteiras. A pauta era as identidades regionais e a crise econômica espanhola frente à conquista da Copa da África. Não sei se reprisam em algum horário. Mas, para quem quiser refletir sobre a importância do futebol nas sociedades, vale buscar. Nunca foram exibidas…

Futebol na Cabeça

Pessoal, Como brasileiro, estou triste. Como defensor do futebol brasileiro como modelo de alto desempenho, a eliminação da Copa pode ser um bom laboratório. Alguns pontos a considerar: Estamos, mais do que nunca, analisando e aprendendo com as razões da derrota; Estamos, também, analisando e tentando aprender com as razões das vitórias havidas nesta Copa;…

Jabulani

Pessoal, Jabulani, pra quem não foi apresentado, é a bola da Copa da África. Bonitinha mas, aparentemente ordinária, ela vinha sendo criticada por um número expressivo de goleiros. Agora, começou a ser criticada também por jogadores “de linha”, como se dizia antigamente. As reclamações vinham sendo contestadas pelo fabricante – Adidas, em termos técnicos. Entretanto,…

Roberto DaMatta

Pessoal, Este negócio de escrever depois o que vocês vão ler primeiro é interessante. Mas, de qualquer maneira, aí vão outros textos extraídos do livro recomendado no post anteriror… Estes trechos apontam para a tese central do Futebol na Cabeça! “O futebol … deu ao povo sua cidadania definitiva. Pela igualdade perante regras que não…

Relendo…

Pessoal, “A bola corre mais que os homens” é um livro sensacional do Roberto daMatta, editado pela Rocco. Se você quiser fazer um esquentamento diferente para a Copa, esta é uma dica bacana. Com certeza você irá assistir aos jogos da nossa seleção com outros olhos – mais abertos! “O fato é que esse jogo…

Dunga e o Dragão

Pessoal, Futebol na Cabeça© tem como tese central o descompasso entre aquilo que o Brasil faz certo no futebol e não faz em outros setores. Ou faz errado. Assim, a lista do Dunga e o consequente debate das últimas 24 horas é impressionantemente elucidativo. A convocação do Dunga foi de uma clareza solar. Critérios claros,…

Aniversário do vira-latas

Pessoal, No dia 31 de maio de 1958 Nelson Rodrigues publicava em sua coluna “Personagem da Semana” na revista Manchete Esportiva seu célebre texto, “ O complexo de vira-latas”. “…o problema do escrete não é mais de futebol, nem de técnica, nem de tática. Absolutamente. É um problema de fé em si mesmo. O brasileiro…

Futuro

Pessoal, Nosso projeto defende a tese que entre outras virtudes para sermos vitoriosos no futebol dentro do campo, estão a ampliação da base social sobre a qual ele se baseia e sua relação recíproca com a mídia. O episódio da reeleição de Fábio Koff para o Clube dos 13 está inscrito no capítulo que diz…

Preconceito

Pessoal, Da série “trecho do livro”: Nenhuma outra atividade ou outro setor de atividades no Brasil se vale de uma base social tão ampla para recrutar seus profissionais. Pioneiro em enfrentar preconceitos, o futebol conseguiu uma base de mobilização e recrutamento estimada, nos dias de hoje, em 40 milhões de potenciais profissionais. Vitor Bertini